Proposta de sócio – Associação Grupo de Aprimoramento da Vida- GAV

Sem nenhum pagamento de  valor de contribuição/mensalidade. 

ATENÇÃO:

• Somente com pedido formal de desligamento cessará a responsabilidade do associado frente à GAV.

• É de inteira responsabilidade do associado a veracidade das informações prestadas no ato da filiação.

• Para sua comodidade e segurança mantenha sempre atualizado o seu endereço de correspondência.

• Enviar fotocópia do RG, CPF e comprovante de residência para gav.poa@gmail.com


Solicito minha inscrição como sócio(a) efetivo(a) da GAV mediante a aceitação de cláusulas* previstas no Estatuto da Associação. (Cláusulas após o formulário)


Capítulo II – DOS ASSOCIADOS

Art. 6º. A Associação é constituída por número ilimitado de associados, distribuídos nas seguintes categorias:

Fundadores são todos aqueles que participaram da Assembleia Geral de Constituição,  assinando a respectiva ata de fundação;

Efetivos são todos aqueles maiores de 18 (dezoito) anos, que estejam dispostos a colaborar com os objetivos da Associação, que tenham requerido sua admissão no quadro de associados e que preencham os requisitos do Artigo 8º;

Honorários são todos aqueles que prestam ou venham a prestar relevantes serviços à Associação, a juízo da Diretoria ou da Assembleia Geral.

Art. 7º.   As admissões de associados serão recebidas por solicitação
espontânea ou por indicação de outros associados e aprovadas pela
Diretoria, respeitados os preceitos do artigo 8º.

Art. 8º.   São requisitos para admissão do associado:

Não haver impedimentos legais;

Preencher ficha de proposta na qual constará sua qualificação completa;

Encaminhar fotocópia do RG e CPF;

Concordar, por escrito, com os objetivos do Grupo de Aprimoramento da
Vida e que se submeterá às disposições estatutárias e deliberações
tomadas em Assembleia Geral da Associação.

Art. 9º. São direitos dos associados:

Votar e ser votado para os cargos eletivos, exceto se estiver em
processo de exclusão do quadro social conforme Art. 12º inciso II;

Participar das Assembleias Gerais;

Fazer à Diretoria sugestões e propostas consonantes às finalidades da
Associação;

Apoiar, divulgar, propor e efetivar eventos, programas e propostas da entidade;

Ter acesso às atividades e dependências da Associação;

Convocar Assembleia Geral, mediante requerimento assinado por 2/3 dos
sócios efetivos.

Art. 10º.        São deveres dos associados:

Cumprir as disposições estatutárias e regimentais;

Acatar as decisões da Diretoria;

Colaborar para a expansão e aperfeiçoamento das atividades da Associação e a consecução dos seus objetivos institucionais;

Satisfazer pontualmente os compromissos que contraiu com a Associação;

Observar, na sede da Associação ou onde a mesma se faça representar, as normas de boa educação e disciplina.

Art. 11º.    Os associados não respondem, solidária nem mesmo subsidiariamente, pelos encargos da Associação.

Art. 12º.     O associado deixará de fazer parte do quadro Social por:

I. Sua livre e espontânea vontade, encaminhando um requerimento endereçado ao Presidente, juntamente com o respectivo Termo de Desligamento;

II. Decisão da maioria simples dos membros da Diretoria ou iniciativa da Assembleia Geral, quando indevidamente causar danos de qualquer natureza à Associação e sua imagem, garantindo-se o direito de plena
defesa.